Esse é um assunto que certamente aborrece muito os homens. Quando o rapaz está na fase da adolescência, às vezes por excesso de peso ele tem as mamas mais evidentes que a de seus colegas ou ao contrário, apesar de bem magro, apresenta uma espécie de brotos mamários como se fosse uma menina no inicio da puberdade. Essa situação pode fazer com que ele seja motivo de gracinhas e criar nele um trauma com relação ao seu corpo.

Esse fato deve alertar principalmente os pais e motivar a procurar um Cirurgião Plástico para que seu filho possa ser avaliado e tratado.

Existem aqui duas situações.

A primeira é a de sobrepeso com acúmulo somente de gordura na região mamária. Nesse caso, o problema é puramente estético e o emagrecimento após o período da puberdade costuma ser suficiente para eliminar essa gordura. Caso permaneça evidente a mama após o emagrecimento, a lipoaspiração dessa região será suficiente para solucionar o problema. Claro que fica o alerta que se o rapaz voltar a engordar poderá recuperar a forma inicial.

A segunda situação requer mais atenção. Todo menino pode ter uma pequena quantidade de glândula mamária que tenderá a desaparecer após a puberdade por ação dos hormônios masculinos. Acontece que existem casos em que não há o desaparecimento completo dessas glândulas e no futuro elas podem vir a se modificar, ou como falamos no meio médico, se malignizar levando ao aparecimento de um tumor. Essa transformação maligna é possível, e apesar de ter baixa freqüência, mas não deve ser negligenciada.

A cirurgia a ser realizada visa à retirada completa da glândula e também da gordura dessa região se houver.

Há casos mais severos em que o desenvolvimento do tecido mamário ou a obesidade é de tal monta que promove um aumento e queda da pele fazendo com que a mama do rapaz se assemelhe a mama feminina.

Nesses casos a cirurgia é mais complexa havendo a necessidade de correção da pele e por vezes reposicionamento dos mamilos.

A anestesia varia de acordo com a complexidade, podendo ser desde anestesia local saiba mais  associada a uma sedação leve até a anestesia geral saiba mais . A duração da cirurgia também varia de acordo com a complexidade do quadro.

As cicatrizes são colocadas de uma forma a não ficarem visíveis, porém se houver excesso de pele, a cicatriz pode se estender obliquamente para baixo e ficar aparente quando a pessoa estiver sem camisa.

Em qualquer uma das situações acima, o beneficio costuma compensar as cicatrizes e o resultado costuma ser um tórax de aspecto masculino sem destaque para o tecido mamário.

Dr. Assaad Naim

Cirurgião Plástico

Deixe uma resposta