Atualmente, a emancipação feminina, o aumento da percepção do corpo e a quantidade de informações disponíveis na mídia vêm fazendo com que cada vez mais mulheres nos procurem para realizar a chamada “Cirurgia Intima” ou como é conhecida no termo médico, Ninfoplastia.

Mas o que vem a ser exatamente esse termo?

A Cirurgia Íntima é toda cirurgia realizada na genitália feminina ou ao redor da mesma com a finalidade de corrigir alterações, hipertrofias ou hipotrofias existentes.

Logo, a Cirurgia Plástica atua no sentido de melhorar a auto-estima e resolver transtornos de ordem física e psicológica da mulher em relação a sua genitália e por vezes até da sua sexualidade.

O primeiro exemplo dessas alterações é o excesso de gordura que se acumula na região pubiana, que é a região onde estão os pêlos do monte de Vênus formando assim um volume exagerado fazendo com que a mulher se sinta mal e desconfortável ao usar short ou um vestido mais colado. Nesses casos é realizada a lipoaspiração dessa região com excelentes resultados.

Essa lipoaspiração na maior parte dos casos é realizada com anestesia local associada à sedação leve saiba mais em ambiente cirúrgico sendo que o período de internação resume-se há algumas horas. A recuperação costuma ser bastante tranqüila e a mulher deve guardar repouso por alguns poucos dias.

Em geral, uma vez removida, essa gordura não costuma se acumular novamente salvo em situações onde a paciente obtenha ganho de peso.

Outro aspecto que pode incomodar a mulher no seu dia a dia ou quando está no período menstrual ou ainda ao ter relação sexual é a hipertrofia dos pequenos lábios que pode ser facilmente diagnosticada pela visualização de uma estrutura mucosa uni ou bilateral crescida além dos limites dos grandes lábios. A correção para tal situação é a remoção cirúrgica desse excesso. Essa cirurgia também é realizada sob anestesia local com sedação leve saiba mais e em geral a satisfação da paciente é enorme. Da mesma forma a cirurgia é realizada em ambiente cirúrgico e a alta hospitalar programada para algumas horas após o término do procedimento. Nessa cirurgia em geral é utilizado material absorvível o que faz com que não haja necessidade de retirada de pontos diminuindo com isso o possível constrangimento no pós-operatório.

Outra queixa que nos deparamos é a de que com os passar dos anos os grandes lábios murcharam e, portanto perderam seu turgor. Para correção desse problema fazemos lipoaspiração de determinada região do corpo e no mesmo tempo cirúrgico preparamos essa gordura e a injetamos nos grandes lábios. O inconveniente dessa técnica é a possibilidade de absorção de parte ou toda gordura enxertada, mas pelo tempo que a gordura permanecer teremos indiscutivelmente satisfação da paciente. Por ser uma técnica mais elaborada necessita da presença do médico Anestesista para realização da raquianestesia saiba mais ou anestesia peridural saiba mais.

Outras cirurgias como a colpoperineoplastia e a himenoplastia apesar de também serem classificadas como cirurgia da intimidade por alguns autores, preferimos delegá-las aos verdadeiros especialistas nessa matéria, os Ginecologistas para que façam a correção e que com isso se evitem complicações que fogem à especialidade da Cirurgia Plástica.

Se você apresenta alguma dessas alterações descritas e quer corrigi-las, faça uma consulta e esclareça suas dúvidas. Estamos sempre aqui para ajuda-las.

Dr. Assaad Naim

Cirurgião Plástico

Deixe uma resposta